olha, mais do que nunca eu te digo: acho que estou mesmo apaixonado por você e que não consigo pensar em outra coisa senão você e que eu estava esperando me sentir desse modo – nas núvens, para ser mais preciso e mais brega – para lhe dizer isso e dizer que só me vejo nos seus braços. só sei que eu quero te amar mais ainda do que hoje e não sei como, mas sei que preciso encontrar você, e preciso viver isso ainda mais. e sinto uma vontade enorme de escrever porque só quando estou assim é que eu quero escrever, e o motivo eu não sei, mas a paixão de escrever está intimamente ligada ao amor, mas agora eu só consigo dizer que te amo e que as palavras não se encaixam nas minhas cabeças muito bem. e eu não sei se você vai me achar leviano por te dizer tudo isto agora, logo após essas nossas horas juntos e de tantos beijos e de tanta vontade de dizer que te amo te amo te amo e não entendo por que na hora eu não digo, porque não fiquei e tive que ir embora, porque no caminho eu quis dizer que te amo e não consegui dizer. agora eu tenho que escrever tudo isso por aqui, quando podia ter voltado para casa muito depois – depois de te ter ainda mais nos meus braços. quero você, e agora esse desejo é infinito.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: